Arquivo

Posts Tagged ‘SEGA’

Coisas da Sonic Hacking Contest 2020

3 de novembro de 2020 1 comentário


Além da SAGE para os fangames de Sonic, todo ano tem uma competição de romhacks e mods dos jogos do ouriço chamada Sonic Hacking Contest. Tem cada vez mais projetos em cima dos jogos 3D para PC, além do Sonic Mania que infelizmente ainda não foi destrinchado a ponto de permitir modificar inimigos e mecânicas das fases. Pois é, conseguiram enfiar o DOOM no Sonic Mania mas o jogo é programado de tal forma que apesar da fama de trabalho de fãs-pra-fãs não dá pra inserir novos objetos nas fases.

De qualquer forma, o bocó aqui vai ficar nas roms de Meguinha mesmo…

Sonic 1 published by EA

An Ordinary Sonic Romhack ainda é a única coisa de creepypasta de Sonic que vale a pena jogar…


Este hack de Sonic 1 é uma paródia das práticas de microtransações da Eletronic Arts. Pra começo de conversa, só é possível começar o jogo juntando 199 graninhas ao assistir vários ciclos de demos com propagandas de outros jogos no canto. Feito isso, descobrimos que muitas das ações necessárias para completar as fases custam dinheiro. Cada pulo custa 4 bufunfas e rolar drena dinheiro a cada segundo. Mesmo nos estágios especiais, adentrar a área de cada esmeralda custa 10$ e derrubar as barreiras também drena pataca por pataca. Com isso tudo, é preciso jogar Sonic 1 como se fosse speedrunner de Super Mario 64, pulando e rolando o mínimo possível.

…Ou então ativar o fast forward no emulador e deixar as demos acumulando dinheiro. Colocaram um montão de propagandas engraçadinhas, sendo que algumas fazem menção a outros jogos e fangames. Um easter egg no meio disso é um par de popups que contém um link para o fangame Sonic Uprising… que dia desses infelizmente teve um lançamento desastroso de uma demo que tava bugada de doer…

Mighty & Ray in Sonic 2

Sempre tem um punhado de hacks que portam personagens para a trilogia do Mega e aqui estão o Mighty e o Ray como eles aparecem no Sonic Mania. O Mighty até tem alguns caminhos exclusivos, apesar de que só encontrei os da Hill Top. Com a habilidade dele de bloquear dano não elemental, a dificuldade que me fez passar toda a infância desvendando este jogo vai pelo ralo. Já o Ray é situacional com a habilidade de voo dele: algumas fases ele rasga pelo ar, mas naquelas mais claustrofóbicas ele não é tão bonzão assim.

Sonic 1 – Point & Click Edition

Este hack torna o Sonic 1 compatível com o mouse do Mega Drive, permitindo interagir com items, inimigos e obstáculos para facilitar a jogatina. No emulador Kega Fusion funciona bem após configurar os controles. E sim, o Mega teve um mouse para rivalizar com o Mario Paint! O Gamer Caduco tem um bom artigo sobre o tal abacaxi.

Sonicu The Cubehog

Finalmente um hack de Sonic para os fãs do Quico.


Neste hack o Sonic é reduzido a um cubo que se move sozinho pra frente, e na base da tentativa e erro vamos saltando pelas fases até onde a paciência aguentar…

Dr. Robotnik’s Mean Bean Machine: DX Edition

Há muito tempo a Nintendo e a Sega americanas discriminavam a estética animé de Puyo Puyo e enfiavam seus personagens por cima do elenco da série. Eu mesmo conheci Puyo pelo Dr. Robotnik’s Mean Bean Machine, e este hack termina o processo trocando o mascote Carbuncle pelo Sonic e alterando os diálogos para que o enredo seja da perspectiva dele. O jogo também pode salvar placares, o que curiosamente era algo que muitos jogos não tinham bateria para tanto na época…

Mês de protótipos do Sonic na Hidden Palace

27 de outubro de 2019 Deixe um comentário


A Hidden Palace é um grupo que pesquisa e reúne materiais de videogames como protótipos, documentos de projeto e ilustrações para preservação histórica. Seu nome vem de uma fase que foi cortada do Sonic 2 e muito discutida pelos fãs da série desde os anos 90 até enfim ser canonizada no remake de 2013.

Em parceria com o grupo The Cutting Room Floor, que arquiva informações sobre materiais removidos de videogames, a Hidden Palace vai publicar semanalmente uma série de protótipos interessantes do Sonic até 16 de Novembro. Parece que não vai ter o cálice sagrado que é a demo perdida de Sonic 1 demonstrada em 1990 na Tokyo Toy Show, mas já começaram com aquela demo conceitual do Sega CD que mostra o ouriço voando num CD e vários protótipos bem primitivos do Sonic CD, que mostram, entre outras coisas, que o nome original da fase Palmtree Panic é “Salad Plain”.

“Planície da Salada” parece nome de fase de Kirby.


As ROMs podem ser obtidas na wiki deles, e aí é só roda-las em algum emulador de Mega Drive.

Teaser 1 de Brasonic 20XX

7 de outubro de 2019 1 comentário


Saiu um trailer novo do remake do clássico da internet brasileira, o fangame Brasonic que conta sobre a luta do ouriço auriverde contra a corrupção e histeria no país. O jogo parece estar num estado avançado, com diversas fases e chefes como CATASTROPIVARA e TATURREMOTO demonstrados durante o vídeo.

SAGE 2019, post 2

30 de setembro de 2019 2 comentários

(post anterior)

Open Surge

É uma honra eu estar dividindo espaço com o Open Surge do conterrâneo Alexandre Martins na lista de destaques da SAGE que há no fórum da SFGHQ, visto que foi com o Sonic Universe 2 e a Gaming Brasil que eu comecei a acompanhar a cena indie de videogames dentro e fora do país, além de ter publicado o Bolinha 1 naquele fórum em 2006.

Pois bem, Open Surge começou há varios anos como um fangame de Sonic mesmo, chamado Open Sonic, e agora tem esse coelinho laranja como protagonista. A jogabilidade funciona ok e tem duas zonas com mistura de coisas originais e dos Soniques 1, 2 e CD… mas isso é uma fachada para demonstrar o potencial de sua engine, que é código aberto e pode ser completamente modificada pelos usuários que aprendam a linguagem usada nela, a SurgeScript.

O @lex tem vários videos demonstrando como programar em SurgeScript no canal de Youtube dele, sendo que o primeiro foi publicado há um ano.

Sondro Gomez: A Wonderworld Story

Ainda que o Kyle & Lucy Wonderworld não esteja presente neste ano, apareceu este spinoff-prequela 8-bits focado num protagonista diferente. A base de Sondro Gomez é Castlevania e a demo tem três fases bem compridas, mas sem os chefes prontos.

Além de ser um usuário do saudoso chicote, o Sondro pode obter três tipos de equipamentos pelos sinos azuis espalhados pelas fases: asas para dar pulo duplo, uma bota-de-Goomba para pisotear inimigos e garras que lhe permitem escalar paredes. Claro que as asas são as mais úteis, mas há segredos e caminhos alternativos que só podem ser acessados com os outros items.

Mesmo com o jeito de Castelo da Vânia e com 4 HP de vida, a dificuldade do jogo é bem tranquila com suas vidas infinitas e os checkpoints periódicos.

Sonic Speed Course

Há um tempo descobriram e dumparam pra emulação uma versão alternativa de Special Tee Shot, um jogo de minigolfe que deu origem ao Kirby’s Dream Course. Por coincidência ou não apareceu este clone com a bolota azul no lugar da rosa, que foi programado em 10 dias.

Já pararam pra pensar em como o Kirby tem melhores jogos dedicados inteiramente ao conceito de bolinha-de-gude do que o personagem que fundiu com maestria esse brinquedo com o gênero de ação-plataforma? Isso não me deixa dormir de noite.

Mas enfim, o Sonic Speed Course é… um jogo que simplesmente não rodou na minha carroça aqui mas que eu queria mencionar de qualquer jeito. O notebook já desligou sozinho ontem enquanto eu jogava Pizza Tower e ele sofre de clique da morte no HD, então é bom não correr riscos jogando até coisas vagamente pesadas. Malz aí.
…E assim não vai dar pra testar o XF Drive do LakeFeperd…

Mr. Triangle Mania 2

Mr. Triangle Mania 2 é um joguinho de plataforma e tiroteio com uma história zoada cheia de palavrão apesar dos personagens geométricos e caricatos, memes e referências a Undertale e Deltarune. Mas além disso é um jogo de ação baita divertido também, e é do criador do Dash Cats que sumiu da SAGE faz um ou dois anos. Tem três personagens jogáveis com habilidades específicas e a demo dura três longas fases.

A terceira fase, em particular, resolve virar a Turbo Tunnel de Battletoads. A Jump-Jump-Slide-Slide de Mega Man 8. Se não fizer os pulos direitinho e acertar os alvos no caminho sem ficar sem munição é morte na certa, e ainda tem um chefe dureza no final que eu tive que enfrentar com um frame rate inconsistente.

Demorei MEIA HORA nessa fase e cheguei a pensar em desistir, mas ainda tenho alguma honra em meu ser e já vi pamonhas falando mal da dificuldade do Cosmic Boll por aí por muito menos. Quando foi a última vez que um algoz gamístico me trouxe tanta satisfação? O Sans em 2015? Na verdade, enquanto escrevo estes parágrafos percebo que nem jogo videogame direito mais para aliviar as frustrações da vida, até porque o meu celular com emuladores tá com o botão de liga-desliga sem contato. O WordPress me deu parabéns pelos 10 anos de blog agora e isso só me deprime mais.

Há, a palavra “wordpress” é corrigida com a parte “press” em maiúsculo se eu digito errado mas não se eu digito a marca inteira em minúsculas.

(próximo post)

SAGE 2019 no ar

27 de setembro de 2019 Deixe um comentário


Começou a SAGE, a exposição anual online de jogos independentes e fangames do Sonic. Tem bastante coisa legal como o Pizza Tower, o Vertebreaker e o Brock Crocodile.

Projetos nacionais presentes na exposição incluem o Core Engine, o Sonic GT, o Open Surge do saudoso @lex da Gaming Brasil e um tal de Cosmic Boll que eu passei os dois últimos meses ralando para produzir algo significativo pra vocês jogarem.

A exposição vai até o dia 4 de Outubro, com diversos eventos de streaming no site até lá. Como de costume eu vou tentar jogar alguns dos projetos e comentá-los por aqui, nesta semana de aniversário de 10 anos do blog.

(próximo post)

Data da exposição online de jogos indie SAGE 2019 anunciada

28 de agosto de 2019 Deixe um comentário


Saiu… semana passada… na Sonic Retro a data da Sonic Amateur Games Expo de 2019: 27 de Setembro, com o prazo de inscrições no dia 20 do mesmo mês. Os desenvolvedores interessados devem mandar seus jogos em andamento, sejam eles fangames ou não, para o endereço sageentry@gmail.com junto com uma imagem PNG com dimensões 500 x 400 que servirá de logotipo no site da exposição.

Já para participar do trailer da exposição é preciso mandar um clipe de 10 segundos nas dimensões 1920×1080, pelo mesmo e-mail só que com “trailer” indicado no assunto. O prazo para isso é o dia 12 de Setembro.

Também é recomendado um cadastro na Sonic Fan Games HQ para montar uma estande pelo sistema deles.