Início > Games, Indie, Reviews > (Review – PC) Hydra Castle Labyrinth

(Review – PC) Hydra Castle Labyrinth

Título: Hydra Castle Labyrinth
Console: PC
Criado por: E. “Buster” Hashimoto
Lançado em: 2011


Em uma de minhas visitas diárias ao blog Indiegames encontrei este novo jogo do criador de Akuji the Demon e Guardian of Paradise.
Hydra Castle Labyrinth é um “metroidvania” semelhante a La-Mulana e Maze of Gallious.

O herói do jogo tem jogabilidade suave e bem semelhante ao que já conhecemos de Mega Man e dos jogos recentes de Castlevania, com direito a powerups de pulo duplo, ataque carregado, escudo e subweapons.

O que não é legal na jogabilidade é não poder pular de escadas depois de começar a subir nelas. Espero que ninguém se suicide por causa disso…

As armas secundárias funcionam como em Castlevania. Flechas vão em linha reta, Machados sobem e descem, Bumerangues vão e vem (note que suas posições verticais seguem o herói), Bolas de Fogo rolam pelo chão e Bombas quicam no chão um pouco antes de explodirem.

Esta sala esconde o pulo duplo. Eu passei por ela só com a espada e vocês poderão ter menos estresse se levarem a flecha junto.


Como a espadinha do personagem principal não é muito efetiva para lutar com os chefes (e tem o pior ataque carregado que já ví num jogo de ação), é bom ir até eles com o estoque de subweapons no máximo. E mesmo apelando com os bumerangues, os chefes podem se revelar um pouco mais complicados do que o esperado. O Peeping Eye é um exemplo disso.

O jogo tem um hub central a ser explorado, com vários items escondidos em blocos, paredes ou que aparecem ao apertar botões ou derrotar todos os inimigos da tela. Depois de pego, um sino sempre fará barulho ao se aproximar de items escondidos.

Em certas telas, há portas que levam a dungeons onde os chefes devem ser enfrentados. O que menos gostei no jogo é que essas portas começam trancadas. O jogo nos dá toda essa liberdade com desafios feitos de forma que podem ser vencidos sem a maioria dos powerups e ainda assim nos força a terminar as dungeons em ordem fixa. Pior ainda é que ao conseguir uma nova chave não há como saber qual porta que ela abrirá, pois todas as portas são iguais.

As dungeons são bem construidas e como possuem vários tipos de inimigos e obstáculos diferentes eu posso dizer que são bem variadas. Geralmente existem áreas bloqueadas nessas fases que forçam a seguir outro caminho para achar algum tipo de chave, mas também existem caminhos ou items que podem ser evitados.

A jornada do começo de uma dungeon até seu chefe pode ser longa. Deve-se ter cuidado para não morrer, pois os únicos save points do game são os que ficam ao lado das portas de entrada para cada dungeon.

Os gráficos do jogo são muito bonitos, tal como nos demais jogos do Buster. O que não é tão bom é que falta personalidade para os gráficos das dungeons, pois a maioria dos cenários é a mesma coisa com paleta diferente.

A trilha sonora é bacana. O hub tem um tema legal e longo (cerca de dois minutos), há 5 músicas para as dungeons, um tema legalzão para os chefes e mais um para a Hidra do título.

No geral Hydra Castle Labyrinth é muito divertido e é um dos melhores freewares lançados neste ano. O jogo dura cerca de 2 horas e depois de fazer isso, há certa graça em jogar de novo para tentar uma speedrun.

Link de download:
http://www.vector.co.jp/download/file/win95/game/fh545899.html

Patch de tradução:
http://hkcomplex.tumblr.com/post/7507872709/hydracastlelabyrinth

Dicas:
-Ao começar o jogo, siga para o noroeste e encontrará uma picareta. Com ela será possível destruir os blocos vermelhos e assim encontrar a primeira chave.
-O jogo tem um sistema de save state que lhe coloca na última tela em que esteve caso o jogo trave. O “problema” é que isso também é ativado se o jogador fecha o jogo clicando no X da janela, o que pode ser abusado para evitar game overs.

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: